Sidão minimiza busca por goleiro e quer seguir titular

Walter, do Corinthians, é um dos nomes apontados como um possível reforço na equipe tricolor na próxima temporada


Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net / Divulgação
“Tenho contrato até o fim do ano que vem e pretendo cumpri-lo. Estou muito feliz aqui”, disse Sidão

O goleiro Sidão, que vive grande fase no São Paulo, disse nessa terça-feira que espera ser mantido como titular do time em 2018, a despeito da busca que o clube tem feito por um novo goleiro. Walter, do Corinthians, é um dos nomes apontados como um possível reforço na equipe tricolor na próxima temporada.

“Tenho contrato até o fim do ano que vem e pretendo cumpri-lo. Estou muito feliz aqui”, disse Sidão. “Espero que sim”, afirmou, perguntado sobre a possibilidade de seguir como titular no gol são-paulino. “Vou continuar trabalhando para isso. Se atuar como titular é algo de momento, eu quero manter isso pelo maior tempo possível.”

O jogador atribuiu sua boa fase à recente sequência de jogos que construiu no time. “A sequência nos dá confiança para fazer aquilo que temos de melhor. Vivo minha maior sequência de jogos no São Paulo, 11 jogos, e tenho confiança para continuar tentando fazer meu trabalho da forma mais perfeita possível.”

Sidão disse que espera vencer o Santos, no sábado, “sem sustos”, apesar de estar se destacando por defesas difíceis. “Se puder vencer o Santos sem sustos, é melhor para todo tricolor, mas é difícil não ser exigido em um clássico. Mas tenho muita confiança no Rodrigo Caio e no Arboleda, são jogadores de seleção. Converso bastante com eles e nos cobramos muito para fazermos nossa parte. Nosso ataque tem funcionado. Se fizermos nossa parte lá atrás, é provável que tenhamos vitórias.”

De acordo com o goleiro, o time do Morumbi continua na corrida pelos ideais 47 pontos, que daria a garantia de fuga do rebaixamento no Brasileirão. “Esse campeonato está bem embolado e a gente faz essas contas, atrás ds 47 pontos. É nosso objetivo para encerrar esse assunto de rebaixamento. Internamente, falamos que precisamos alcançar rápido essa pontuação.”

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter