Rio Branco mostra atraso em preparação para a Copa Paulista

Tigre ainda não definiu treinador e reforços para a competição, que começa em 40 dias


Faltando 40 dias para o início da Copa Paulista, a preparação do Rio Branco está na estaca zero. A diretoria ainda busca levantar recursos com colaboradores e novos patrocinadores antes de correr atrás de reforços e comissão técnica. Mas o Tigre não está sozinho no atraso. De seus seis adversários na primeira fase, somente Atibaia e Desportivo Brasil já têm seus treinadores definidos para a competição.

O Atibaia oficializou nesta semana a contratação do técnico Luiz Muller e renovou com nove jogadores que disputaram a Série A3 pelo clube. No Desportivo, o treinador Caio Zanardi foi mantido e o elenco se reapresentou na última terça-feira com base semelhante à utilizada na A3 e algumas promessas da base.

Os outros concorrentes do Rio Branco ainda não definiram suas comissões técnicas, mas começaram a se mexer. O Taboão da Serra, por exemplo, já tem reapresentação marcada para o dia 28 e anunciou a contratação de dois veteranos para o torneio: o goleiro Deola, ex-Palmeiras, e o zagueiro Álvaro, ex-Flamengo.

Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
Tigre enfrentou o Desportivo Brasil durante a Série A3 deste ano, e agora vai encarar novamente na Copa Paulista de 2017

O restante do elenco será quase o mesmo da Série A3, mas sem os medalhões Acosta e André Luiz, que não renovaram contrato. A permanência do técnico Axel ainda está indefinida. Principal atração do grupo 2, o São Paulo também vive cenário de indecisão para a Copa Paulista. Segundo a assessoria de imprensa do clube, o time B que será utilizado na competição ainda não foi formado. No ano passado, Vizolli e André Jardine se revezaram na função e o mesmo deve ocorrer nesta temporada.

Como paralelamente o Tricolor disputará o Paulista Sub-20 e o Brasileiro Sub-20, a tendência é que a equipe seja montada com uma mescla dos juniores com atletas ‘encostados’ do profissional.

O Audax, que estreia na Série D do Campeonato Brasileiro neste fim de semana, também utilizará um time B na Copa Paulista. Como ainda não foi confirmada a permanência de Fernando Diniz, o coordenador da base Maércio Zeferino será o treinador interino nas primeiras rodadas e também deve comandar a equipe na Copa, quando serão utilizados os reservas e também atletas não relacionados para os jogos do Nacional da Série D.

De todos os sete times do grupo 2 da Copa Paulista, o que vive melhor momento é a Inter de Limeira, que conquistou o acesso para a Série A2 no último fim de semana e começa a decidir o título da A3 neste sábado contra o Nacional. Como o foco da diretoria limeirense era o acesso, a tendência é que os dirigentes só comecem a pensar na Copa Paulista após o segundo jogo da final, marcado para o dia 27 próximo.