Pague Menos Corrida – SB.1
Nyã Baobá – SB.1

Rio Branco estuda aposentar camisa de Caio Júnior

Ideia de imortalizar a camisa 16, usada pelo técnico da Chapecoense quando jogou no clube de Americana, surgiu de torcedores nas redes sociais


Como forma de homenagear Caio Júnior, uma das 71 vítimas do desastre aéreo envolvendo o avião da Chapecoense, o Rio Branco estuda aposentar a camisa 16, usada pelo ex-atacante no clube, em 1999. A diretoria riobranquense deve se reunir nos próximos dias para discutir a questão antes de levar a decisão ao Conselho Deliberativo, que dará o aval final. Se a ideia for aprovada, nenhum outro jogador poderá usar tal número nas competições profissionais que o time disputar.

Antes de virar técnico, Caio Júnior jogou profissionalmente por 14 anos. Foi no Tigre onde ele pendurou as chuteiras. No Paulistão de 1999, Caio atuou em 11 partidas e marcou quatro gols. Ele fazia dupla de ataque com Sandro Hiroshi, hoje gerente de futebol do alvinegro.

Foto: Chapecoense / Divulgação
Caio tinha assumido a posição de técnico da Chapecoense neste ano

A ideia de imortalizar a camisa 16 surgiu de torcedores nas redes sociais e logo ganhou a aceitação do presidente Valdir Ribeiro. “A ideia é bem louvável. Acredito que é uma homenagem mais que justa para um jogador tão importante que foi para o Rio Branco. Vamos conversar com a diretoria. Numa próxima reunião decidiremos isso”, afirmou o mandatário do Tigre.

Além do Rio Branco, Caio Júnior também defendeu como atleta outros dez clubes: Grêmio, Vitória de Guimarães (Portugal), Estrela da Amadora (Portugal), Internacional, Belenenses (Portugal), Novo Hamburgo, Paraná, XV de Piracicaba, Paulista e Iraty. Como treinador, o currículo dele era ainda mais extenso, com 19 times onde treinou, com destaques por Paraná, Palmeiras, Goiás, Vitória, Botafogo e Grêmio.

Era na Chapecoense onde Caio vivia um de seus melhores momentos como técnico e estava mais próximo de seu maior título, a Copa Sul-Americana, cujo primeiro jogo da decisão contra o Atlético Nacional deveria ter sido disputado na noite desta quarta-feira em Medellin, na Colômbia.