Conselho alerta diretoria do São Paulo para que 2018 não seja ‘mais um 2017’

Enquanto se afasta da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o São Paulo, nos bastidores, começa a colocar no papel…


Enquanto se afasta da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o São Paulo, nos bastidores, começa a colocar no papel o planejamento para 2018. Na noite de terça-feira, o Conselho de Administração do clube começou a discutir com a diretoria o orçamento para a próxima temporada.

O encontro no Morumbi durou cerca de quatro horas e ainda não foi definitivo. Uma nova reunião está marcada para o dia 27 de novembro, em que o órgão definirá o orçamento do clube para 2018, que ainda deverá ser discutido no Conselho Deliberativo. O presidente do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, e o diretor executivo financeiro, Elias Barquete Albarello, participaram da conversa.

O Estado apurou que, nos corredores do Morumbi, há receio de que a próxima temporada possa ser tão dramática quanto foi a de 2017. O motivo está no planejamento financeiro, que tem impacto direto na equipe em campo.

O Conselho pediu que a diretoria do clube trace um plano de metas para baixar as dívidas e as despesas em 2018, e defina objetivamente formas de cumprir rigorosamente o orçamento da temporada, sem afetar a competitividade do time. A intenção é discutir esse planejamento na reunião do dia 27.

A retomada do São Paulo no Brasileirão fez o clube iniciar de fato a preparação para 2018. O time vem fazendo sondagens e negocia possíveis reforços para a próxima temporada, além de, pouco a pouco, definir a situação de atletas que têm contrato até dezembro. Oficialmente, o clube anunciou recentemente a renovação de contrato do atacante Morato.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter