Clubes brasileiros homenageiam Chapecoense na volta aos treinos

Vários clubes brasileiros, entre eles Corinthians, Flamengo e São Paulo, fizeram um minuto de silêncio antes do treino desta quarta-feira,…


Vários clubes brasileiros, entre eles Corinthians, Flamengo e São Paulo, fizeram um minuto de silêncio antes do treino desta quarta-feira, pela manhã, para homenagear as 71 vítimas da queda do voo da Chapecoense que ia para Medellín, na Colômbia, para a final da Copa Sul-Americana. Apenas seis pessoas sobreviveram (três jogadores, dois membros da tripulação e um jornalista).

Jogadores e funcionários do Corinthians fizeram a homenagem no CT Joaquim Grava na retomada dos treinos. Em função da tragédia, a comissão técnica do Corinthians mudou a programação na terça-feira. Os atletas realizaram uma atividade rápida na academia, mas foram liberados por causa do abatimento e tristeza. Ainda na terça-feira, o clube usou o verde, cor da Chapecoense, em suas redes sociais.

No CT da Barra Funda, os jogadores do São Paulo ficaram abraçados no centro do gramado antes de iniciar o treinamento. As bandeiras estão a meio mastro. Na terça-feira, o clube prestou vários homenagens para o lateral Mateus Caramelo, uma das vítimas da queda do avião e que ainda pertencia ao São Paulo. Após o treino desta quarta-feira, existe a possibilidade de que os jogadores sejam liberados. O próximo jogo será no dia 11 contra o Santa Cruz no Pacaembu. Não há data definida para a apresentação de Rogério Ceni como novo técnico.

Depois do minuto de silêncio, os jogadores do Flamengo fizeram um treino em clima de tristeza no Ninho do Urubu. Nos intervalos, os jogadores estavam cabisbaixos e evitavam as brincadeiras. Entre as vítimas do acidente, três ex-jogadores do Flamengo: Marcelo, Cleber Santana e Arthur Maia, além do técnico Caio Júnior, que dirigiu o Flamengo em 2008, e do comentarista Mário Sérgio, que atuou no clube entre 1969 e 1971.

O Palmeiras, que se sagrou campeão brasileiro exatamente na partida contra a Chapecoense no domingo, decidiu interromper os treinamentos até a próxima semana.

Além de manifestar solidariedade à tragédia, vários clubes brasileiros publicaram nota oficial em conjunto para oferecer ajuda com empréstimo gratuito de atletas e solicitar à CBF que a equipe catarinense fique imune ao rebaixamento pelas próximas três temporadas. Atlético-PR, Botafogo, Coritiba, Corinthians, Cruzeiro, Fluminense, Palmeiras, Portuguesa, Santos, São Paulo e Vasco divulgaram nota nesta terça-feira. Outros clubes devem aderir ao movimento.

Revista L – BC.1
Liberal Motors – BC