CBF está prestando apoio aos sobreviventes e famílias, diz Del Nero

Porém, o presidente não deu detalhes de quais ações a Confederação Brasileira de Futebol terá para auxiliar o clube catarinense


O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, afirmou na manhã desta terça-feira (29) que a entidade está “tomando todas as providências” para prestar apoio aos sobreviventes e familiares das vítimas do acidente aéreo sofrido pela delegação da Chapecoense na madrugada, nas proximidades de Medellín, na Colômbia.

“A Confederação Brasileira de Futebol está tomando todas as providências no sentido de prestar seu apoio aos sobreviventes, às famílias, ao clube, à comunidade de Chapecó e aos desportistas brasileiros em geral. Que todos tenhamos muita força e muita luz para ultrapassar este momento”, afirmou Del Nero.

O presidente não deu detalhes de quais ações a CBF terá para auxiliar o clube catarinense. Pessoalmente, Del Nero não deve comparecer ao país vizinho porque tem evitado viagens internacionais no último ano, desde a prisão de sete cartolas da Fifa, em Zurique, em maio do ano passado, sob acusações de corrupção. Del Nero também foi denunciado pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

Longe das viagens internacionais, o presidente da CBF lamentou a tragédia por nota. “Neste momento de imensa dor e tristeza, manifesto meu sentimento de solidariedade a todas as pessoas atingidas pelo acidente ocorrido com a delegação da Associação Chapecoense de Futebol, em especial às famílias das vítimas”, declarou.

Para o dirigente, o acidente marca “uma das páginas mais trágicas do esporte brasileiro”. “Estamos vivendo uma das mais trágicas páginas da história do esporte brasileiro e lamento, profundamente, a perda de jogadores, comissão técnica, profissionais da imprensa, dirigentes e tripulação”, lamentou.