Cássio pede atenção com o Bahia e exalta ‘pés no chão’ do Corinthians

A 11 rodadas para o fim da competição, o título está mais próximo do que nunca, mas os jogadores tratam de ponderar


Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians / Divulgação
“Primeiro, pensamos na vitória, em nosso trabalho, depois vemos os resultados”

A rodada deste meio de semana do Campeonato Brasileiro foi das melhores para o Corinthians. A vitória sobre o Coritiba aliada ao empate do Santos com a Ponte Preta fizeram com que a vantagem do líder para o time da Vila Belmiro, segundo colocado, subisse para 10 pontos. A 11 rodadas para o fim da competição, o título está mais próximo do que nunca, mas os jogadores tratam de ponderar.

“Primeiro, pensamos na vitória, em nosso trabalho, depois vemos os resultados. Os resultados foram legais para nós nessa rodada, ganhamos em casa e aumentamos a distância. É pé no chão, jogo a jogo”, declarou o goleiro Cássio em entrevista coletiva nesta sexta-feira.

O técnico Fábio Carille disse após o triunfo de quarta que o Corinthians precisa de cinco vitórias nesta reta final para garantir o título. Cássio, porém, garantiu que o pensamento dos jogadores é somente no próximo adversário, o Bahia, em partida que acontecerá neste domingo em Salvador.

“Tem de pensar em ganhar o próximo jogo, pensar por etapas. Algumas pessoas já vêm falando em título, mas temos de ter os pés no chão e focar 100% na partida que nós temos”, disse. “Ânimo temos de sobra, só de estar aqui no Corinthians e na briga por título.”

O goleiro corintiano alertou para a qualidade do Bahia, que buscou um empate por 2 a 2 diante do Palmeiras na quinta-feira, em pleno Pacaembu, depois de estar perdendo por 2 a 0. Apesar da distância das equipes na tabela – os baianos estão apenas em 14.º -, Cássio previu bastante dificuldade para o Corinthians.

“Vimos um pouco do jogo do Bahia contra o Palmeiras, equipe bem qualificada”, avaliou. “Não olhamos se o adversário está lá embaixo ou em cima. Respeitamos todas as equipes, não é porque o Bahia está lá embaixo que vamos faltar com respeito. Jogo difícil, todos são. Muitas vezes, mesmo com nós fora de casa, a equipe mandante muda sua maneira de jogar. Vamos tentar ver os pontos fracos da equipe do Bahia e tomar cuidado para não sermos surpreendidos.”

Nesta sexta-feira, Carille poupou boa parte dos titulares no treino no CT Joaquim Grava e escondeu o time que entrará em campo no fim de semana. Léo Príncipe, Pedro Henrique, Arana, Camacho, Jadson, Rodriguinho e Jô, titulares contra o Coritiba, apenas correram em volta do gramado, enquanto Balbuena trabalhou na academia.

Depois de cumprirem suspensão, Fagner e Romero devem ser titulares. Recuperados de contusão, Pablo, Léo Santos e Paulo Roberto também voltam a ficar disponíveis. A tendência é que o Corinthians seja escalado com: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Camacho, Maycon, Rodriguinho, Jadson e Romero; Jô.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter