Bahia precisa superar nove desfalques para manter reação contra o Atlético-PR

O Bahia precisa superar uma série de desfalques neste domingo para manter seu embalo no Campeonato Brasileiro, contra o Atlético…


O Bahia precisa superar uma série de desfalques neste domingo para manter seu embalo no Campeonato Brasileiro, contra o Atlético Paranaense, às 19 horas, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 20ª rodada, a primeira do returno.

Depois da demissão do técnico Jorginho e de Preto Casagrande assumir como interino, o Bahia não perdeu mais na competição – empatou com a Chapecoense e derrotou o São Paulo. Assim, chegou aos 23 pontos e ganhou certo alívio na briga contra o rebaixamento.

O número elevado de desfalques, porém, pode frear essa retomada. Para enfrentar o Atlético Paranaense, o Bahia não poderá contar com Allione, Vinicius, Maikon Leite e Armero, vetados pelo departamento médico, e Lucas Fonseca, suspenso pelo STJD. Também seguem na transição física Wellington Silva, Edigar Junio, Hernane e Jackson.

“O Vinícius, por exemplo, é um cara que a gente estava imaginando que pudesse contar com ele, e não vai. O Allione também está sentindo um pouco o joelho”, lamenta Preto Casagrande, que se demonstra confiante mesmo com os desfalques. “Até na conversa com os jogadores, principalmente depois desse jogo contra o São Paulo, falamos da importância de fazer um segundo turno melhor que o primeiro. Fizemos jogos bons, até melhores que o adversário, mas pecamos nos detalhes.”

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter