Atlético-GO vence o Coritiba e espera reação para fugir da degola no Brasileirão

O Atlético Goianiense iniciou o segundo turno do Campeonato Brasileiro dando mostras de que vai lutar até o fim para…


O Atlético Goianiense iniciou o segundo turno do Campeonato Brasileiro dando mostras de que vai lutar até o fim para fugir da zona de rebaixamento. Neste sábado, o clube goiano conquistou o primeiro objetivo de sua ousada meta – vencer nove dos 19 jogos restantes – ao passar pelo Coritiba pelo placar de 1 a 0, em partida realizada no estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia, pela 20.ª rodada.

Apesar do resultado, o Atlético Goianiense segue na lanterna agora com 15 pontos, a sete de deixar a zona de rebaixamento. O clube goiano torce contra os seus rivais para tentar diminuir a diferença entre eles. O Coritiba fica com 25 pontos, no meio da tabela de classificação.

O Coritiba saiu do frio paranaense para enfrentar o forte calor de Goiânia e sofreu para conseguir se adaptar à temperatura e pressionar o Atlético Goianiense, que jogou de forma compacta e chegou a ser melhor em determinados momentos da partida. A melhor chance foi em um escanteio cobrado pelo lado direito. William Matheus por muito pouco não fez contra.

O visitante, por sua vez, foi ameaçar apenas aos 22 minutos. Léo arriscou de fora da área para defesa tranquila de Felipe Garcia. Perto do intervalo, o Coritiba ameaçou uma pressão, mas encontrou um adversário completamente recuado, que segurou o 0 a 0 no placar de todos os jeitos possíveis.

O panorama do jogo continuou o mesmo no segundo tempo. O Coritiba tinha a posse de bola, mas não conseguia transformar em gol. O Atlético Goianiense, então, foi saindo aos poucos e conseguiu abrir um placar. Aos 17 minutos, após cobrança de lateral, Jorginho recebeu dentro da área, tirou o zagueiro da jogada e chutou debaixo das pernas do goleiro Wilson.

Após sofrer o gol, o Coritiba foi com tudo para cima em busca do empate. Neto Berola e Henrique Almeida entraram e colocaram fogo em campo. Aos 25 minutos, Léo fez bela jogada pela direita e cruzou para Márcio, que mandou rente ao travessão de Felipe Garcia.

Nos minutos finais, o Atlético Goianiense recuou ainda mais e tentou surpreender o rival no contra-ataque. A bola do jogo esteve nos pés do Igor, que aproveitou a sobra, após chute de Paulinho, para mandar para fora, tinha o gol aberto. O Coritiba, por sua vez, não conseguiu criar e acabou derrotado.

Na próxima rodada, a 21.ª, o Atlético Goianiense enfrenta o Flamengo no próximo sábado, às 19 horas, no estádio Luso-Brasileiro, no Rio. O Coritiba entra em campo apenas no próximo dia 20, um domingo, para encarar o Santos, às 19 horas, no estádio Couto Pereira, em Curitiba.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 1 x 0 CORITIBA

ATLÉTICO-GO – Felipe Garcia; Jonathan (André Castro), William Alves, Gilvan e Bruno Pacheco; Igor, Paulinho, Niltinho (Silva), Igor, Jorginho e Diego Rosa (Breno Lopes); Walter. Técnico: João Paulo Sanches.

CORITIBA – Wilson; Léo, Márcio, Luizão e Willian Matheus; Jonas, Alan Santos (Henrique Almeida), Matheus Galdezani e Thiago Carleto (Neto Berola); Rildo e Alecsandro (Tomas Bastos). Técnico: Marcelo Oliveira.

GOL – Jorginho, aos 17 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Niltinho e Walter (Atlético-GO); Alecsandro, Rildo e Luizão (Coritiba).

ÁRBITRO – Grazianni Maciel Rocha (RJ).

RENDA – R$ 21.730,00.

PÚBLICO – 1.035 pagantes (1.891 no total).

LOCAL – Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (GO).

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter