Dom Bosco cria projeto que capacita educadores e pais

“Dilemas Atuais” tem foco no desenvolvimento humano e debate temas do universo adolescente


A escola deve ser um espaço destinado à educação e também ao desenvolvimento humano. O Colégio Salesiano Dom Bosco se destaca nessa missão por promover, há 69 anos, a formação do ser humano, expandindo os trabalhos para os pais, professores e responsáveis, pessoas que convivem diretamente com os jovens e as crianças.

Tal postura, tornou o colégio um ponto de referência para os pais que buscam apoio e orientação para interagir de maneira harmoniosa com seus filhos, em especial os adolescentes. E não foi diferente em 2017, quando o jogo Baleia Azul, tomou proporções mundiais e alarmou as famílias. “Esse jogo [Baleia Azul] promovia a automutilação e desafiava os jovens a tirarem a própria vida, divulgando tudo nas redes sociais. Ele ficou muito popular nos EUA e na Europa e havia chegado ao Brasil. Qualquer um poderia ter acesso a ele e os pais nos procuraram para entender e saber como alertar seus filhos sobre o perigo de aderir ao jogo e outros perigos na internet”, lembra o diretor da Obra Salesiana de

Acesse o suplemento Empresas & Empresários de Sucesso na versão virtual

Foto: Colégio Salesiano Dom Bosco - Divulgação.JPG
Padre Aramis Biaggi defende a integração entre a escola e a família

Americana, padre Aramis Francisco Biaggi. Foi nesse contexto que nasceu o projeto “Dilemas Atuais” que teve como objetivo promover debates com professores, pais e alunos sobre temas pertinentes ao universo adolescente como afetividade, depressão, sexualidade, mundo real versus mundo virtual.

O primeiro debate foi sobre o relacionamento do jovem com o mundo virtual e sua fragilidade diante das informações recebidas no meio digital, abordando o jogo e as reais motivações por trás do suicídio. “Um jovem comete esse tipo de ato por depressão, baixa autoestima, por sofrer bullying. Esse tema foi discutido na capacitação de professores e depois levado aos pais na palestra”, explica o padre. Mais de 200 pessoas participaram do evento, sendo necessário migrar as edições seguintes ao auditório do Unisal campus Maria Auxiliadora. “Este sempre foi o sonho e missão de Dom Bosco, formar a criança e dar formação aos pais e educadores que convivem com elas para que essas crianças tenham em quem se apoiar, se espelhar e que façam boas escolhas na vida. O projeto surgiu porque os pais nos procuraram. Eles querem entender e ajudar seus filhos, em especial os adolescentes, e tivemos um retorno muito bom em 2017, tanto que iremos continuá-lo este ano”, diz o diretor.

Projeto ‘Dilemas Atuais’

Foto: Colégio Salesiano Dom Bosco - Divulgação.JPG
Projeto “Dilemas Atuais” debateu a Afetividade na Educação, com o escritor Severino Antônio

O primeiro ano do projeto “Dilemas Atuais” contou com a presença de professores, doutores em educação e profissionais que abordaram quatro temas pertinentes à adolescência em três momentos: na capacitação dos professores, em palestra com os pais e sociedade (que aconteceram nos auditórios) e com os alunos, dentro da sala de aula. O debate aconteceu a cada dois meses. Segundo padre Aramis, os temas foram desenvolvidos por sugestão dos pais, começando com a relação dos jovens com o mundo virtual – devido ao fenômeno Baleia Azul.

Foto: Colégio Salesiano Dom Bosco - Divulgação.JPG
Outro assunto debatido no projeto foi “Entre o Real e o Virtual”, com a professora e doutora Regiane Hilker

O primeiro dilema “Entre o Real e o Virtual: a Fragilidade do Adolescente” contou com a presença da professora e doutora em Educação, Regiane Rossi Hilker. O escritor e doutor em Educação, Severino Antônio, ministrou o segundo dilema, “Desafios da Afetividade na Educação”. “Sexualidade: Caminhos para Educação”, foi abordado em agosto com a ajuda da psicóloga e terapeuta sexual, Ana Canosa, que apresenta o quadro “Família Pede Socorro” no programa da Eliana, no SBT, e faz parte do elenco do “Escola para Maridos”, do Fox Life. O projeto encerrou com o médico psiquiatra, Dr. Gustavo Nogueira Lima, que tratou sobre “Depressão em Crianças e Adolescentes”.

O tema será novamente abordado no primeiro evento do projeto “Dilemas Atuais”, previsto para acontecer no mês de abril. “É um assunto bastante amplo e sentimos a necessidade de tratá-lo este ano, de novo, com outro olhar”, diz Aramis. “O projeto trata de temas polêmicos, mas a ideia não é criar polêmica, e sim abordar de forma natural, de maneira responsável. O que não podemos é deixar de falar sobre eles com nossos jovens e pais”, completa.

69 anos de tradição e excelência

Foto: Colégio Salesiano Dom Bosco - Divulgação.JPG
Médico psiquiatra Gustavo Nogueira Lima enfocou em sua palestra a “Depressão em Crianças e Adolescentes”

Instalado em outubro de 1949 na Vila Santa Catarina, em Americana, o Colégio Salesiano Dom Bosco completa 69 anos comprovando a sua tradição e excelência em educação no município. A instituição de ensino conta com uma infraestrutura moderna, com biblioteca, quadras poliesportivas, laboratório de química e de informática, campo de futebol, pátio, espaço lúdico, auditório e minianfiteatro, brinquedoteca, sala de música, sala de artes, piscina para crianças no Dom Bosquinho, etc. É uma escola digital, que utiliza a tecnologia para o auxílio na educação, por meio de material didático específico, com acesso à banda larga (wi-fi) para os alunos do Fundamental II e Ensino Médio.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!