Atriz é criticada ao defender que mulheres façam sexo mesmo sem vontade

Declaração da atriz foi feita em entrevista ao canal do YouTube de Julia Faria, em brincadeira chamada "Quem é mais provável que?"


Deborah Secco foi criticada nas redes sociais ao defender que as mulheres façam sexo mesmo quando não estiverem com vontade.

A declaração da atriz foi feita em entrevista ao canal do YouTube de Julia Faria, em brincadeira chamada “Quem é mais provável que?” As duas deveriam responder a diversas perguntas, decidindo qual das duas tinha mais probabilidade de fazer algo.

Uma das perguntas foi: “Quem é mais provável que simule uma dor de cabeça para não transar?” Ao que Deborah respondeu: “É o seguinte: você pode até estar sem vontade, mas quando você começa – é um pouquinho só que você fica sem vontade, aí começou já fica bom. Então não pensa no desânimo, pensa na animação que vem.”

Em seguida, a atriz deu uma declaração ainda mais polêmica: “Se você não faz sexo com o seu homem, outra pessoa vai fazer. Homem não fica sem sexo. Então está com preguiça? Começa, que a parte chata é só essa preliminar de começar mesmo”, completou. Esse trecho da entrevista foi postado no Twitter, e diversas internautas criticaram a atriz.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter