Ator Martin Landau falece nos EUA aos 89 anos

Nascido em 20 de junho de 1928, o ator começou a carreira como cartunista e ilustrador do jornal New York Daily News quando tinha apenas 17 anos


Martin Landau, estrela da série de televisão da década de 1960 “Missão: Impossível”, morreu no sábado aos 89 anos, segundo informou seu agente no domingo. Landau morreu no Centro Médico UCLA, em Los Angeles, de complicações inesperadas durante o que seria uma rápida hospitalização para tratar de uma doença não revelada, disse o publicista Dick Guttman, em comunicado.

Landau ganhou o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante em 1995, por seu retrato da estrela de terror Bela Lugosi no filme Ed Wood, de Tim Burton. Ele havia sido indicado para o Oscar duas vezes antes – primeiro por sua atuação em Tucker – Um Homem e Seu Sonho (1988), de Francis Coppola, e, em seguida, por Crimes e Pecados (1989), de Woody Allen.

Foto: Creative Commons
Martin foi estrela da série de televisão da década de 1960 “Missão: Impossível”

O ator também ganhou notoriedade por um papel que não fez – Landau recusou ser o Mr. Spock, o oficial vulcano da nave Enterprise, na famosa série de TV Jornada nas Estrelas. O convite partiu do próprio criador do programa, Gene Rodenberry.

Nascido em 20 de junho de 1928, começou a carreira como cartunista e ilustrador do jornal New York Daily News, quando tinha apenas 17 anos. A vontade, na verdade, era a de ser ator, o que conseguiu em 1951, quando estreou em Detective Story.

Decidido a seguir seriamente na profissão, Landau foi estudar e, entre dois mil candidatos a integrar o famoso Actors Studio, em Nova York, apenas ele e Steve McQueen foram aprovados. Não à toa, ambos criaram carreiras semelhantes, baseadas em filmes de ação mas com um a presença mais intensa, decisiva. É o que se observa, por exemplo, no clássico do suspense Intriga Internacional, dirigido por Alfred Hitchcock em 1959. Landau é um dos capangas de James Mason na perseguição travada contra Cary Grant – apesar de poucas cenas, ele impressiona pela intensidade da maldade.

Landau tornou-se famoso ao participar da série de grande sucesso na TV Missão Impossível, o que o aproximou mais das produções para a telinha, afastando-o um pouco do cinema. Nos anos 1980, porém, participaria de uma nova fase, a mais profícua de sua carreira.

Em Tucker – Um Homem e Seu Sonho, dirigido por Francis Ford Coppola em 1988, Landau vive o personagem Abe Karatz, na história do empreendedor americano que, nos anos 1940, tenta criar o carro do futuro e é combatido pela indústria automobilística.

Seu talento revelou-se exuberante, porém, em Crimes e Pecados, de Woody Allen, na qual vive um oftalmologista que precisa matar a amante, e Ed Wood, maravilhosa homenagem de Tim Burton aos filmes B.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter