Exposição traz vídeos sobre a história de Santa Bárbara

'Museu da Imigração – 30 anos' está aberta para visitação gratuita na Sala Antônio Duarte até o próximo dia 28 de fevereiro


Os primeiros imigrantes, as viagens de trens, o desenvolvimento do comércio até a emancipação de Villa Santa Bárbara a partir da construção de um dos prédios mais icônicos da cidade, localizado na Rua João Lino, no Centro. Estas e outras centenas de imagens e vídeos inéditos, incluindo um documentário especial, estão em exposição no Museu da Imigração que, este ano completa 30 anos de funcionamento em 2018.

A exposição audiovisual “Museu da Imigração – 30 anos” está aberta à visitação até o dia 28 de fevereiro, gratuitamente. Imagens e vídeos são projetados em 360 graus, com conteúdo em quatro telas exibidas simultaneamente, na Sala “Antônio Duarte”, no andar térreo do museu. Bancos e almofadas dispostos no centro da sala convidam o visitante a contemplar parte da história de Santa Bárbara e da região.

Foto: Prefeitura de S.Bárbara / Divulgação
Imagens são projetadas em quatro telas simultâneas no local

De acordo com o secretário de Cultura e Turismo, Evandro Felix, a iniciativa integra as comemorações dos 200 anos do município. “A exposição dos 30 anos do Museu integra um pacote de ações que serão realizadas nessa data tão especial. O conteúdo exposto faz parte do acervo técnico do Centro de Memória, rico em imagens e vídeos históricos da fundação da nossa cidade”.

As projeções contam a história da construção e o desenvolvimento do prédio, agora atual símbolo da imigração local. Além das imagens do espaço, desde quando abrigou a primeira Câmara dos Vereadores, a Cadeia e a Delegacia, a mostra traz vídeos inéditos que até então nunca haviam sido convertidos ao formato digital e que apresentam a vinda e o dia a dia dos imigrantes para a cidade.

O edifício, onde hoje funciona o museu, foi construído no final do século 18 pelo Governo do Estado, completando 122 anos em 2018. Foi projetado pelo renomado arquiteto francês Victor Dubugras para abrigar a primeira Câmera dos Vereadores e Cadeia de Villa de Santa Bárbara. A instituição da Câmara trouxe a emancipação política à Villa, tornando-se enfim um município e separando-se de Villa Constituição (Piracicaba), a qual estava ligada.

A Câmara funcionou no prédio até 1913, quando passou suas atividades para o Paço Municipal. A Delegacia de Polícia e Cadeia Pública funcionaram no prédio até o fim da década de 1970, o que provocou diversas transformações e adaptações na obra original. O local permaneceu fechado durante boa parte da época de 80, até ser transferido novamente ao município que instituiu ali o Museu da Imigração, em 1988.

ACONTECE: A exposição “Museu da Imigração – 30 anos” pode ser vista de terça a sexta-feira, das 9h às 17h, até o dia 28 de fevereiro. A entrada é gratuita. O Museu da Imigração fica na Rua João Lino, 371, no Centro. Informações podem ser obtidas pelo telefone 3455-5082.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!