Marido ameaça mulher com machado em Sumaré

De acordo com a vítima, o casal mora junto há oito anos, mas são casados há dois meses e estão em processo de separação judicial


Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
No Plantão Policial a mulher foi orientada a reapresentar a denúncia e procurar as medidas protetivas

Uma Operadora de Caixa de 25 anos registrou nesta sexta-feira (11) um boletim de ocorrência no plantão policial de Sumaré após ser ameaçada pelo seu marido com um machado na terça-feira (08). Já na sexta-feira, o homem voltou a ameaçá-la, só que dessa vez com uma faca.

De acordo com a vítima, o casal mora junto há oito anos, mas são casados há dois meses e estão em processo de separação judicial. Ela explica que durante todo esse período de convivência ele sempre foi agressivo.

Sobre as últimas ameaças, a mulher relatou que na última terça-feira ela estava dando banho na filha do casal de oito anos, quando o marido entrou no banheiro com o machado em mãos, pronto para acertá-la nas costas, porém a menina gritou e conseguiu alertar a mãe para se desviar do golpe. “Não morri por Deus, ele já estava pronto para me acertar pelas costas”, desabafa a mulher. A mãe da operadora, que mora próximo ao ouvir os gritos acionou a PM (Polícia Militar). Quando os PMs chegaram na residência no bairro Jardim dos Ipês, o homem deixou a casa.

Já na Sexta-feira, por volta das 17h30 o agressor compareceu no trabalho da mulher com uma faca ameaçando a esposa de morte. A PM foi acionada novamente, mas ele fugiu antes da chegada das viaturas. Ele está foragido desde então.

No Plantão Policial a mulher foi orientada a reapresentar a denúncia e procurar as medidas protetivas garantidas na Lei Maria da Penha.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter