Assaltantes são baleados em tentativa de roubo a veículo dos Correios

Dupla foi presa em flagrante após trocar tiros com uma equipe de escolta de cargas da estatal; o caso aconteceu na tarde desta quarta-feira, em Sumaré


Dois assaltantes foram baleados e presos em flagrante após uma troca de tiros com uma equipe de escolta de cargas dos Correios na tarde desta quarta-feira (19), em Sumaré. Segundo informações do 48º BPM/I (Batalhão da Polícia Militar do Interior), a dupla tentou roubar o veículo da estatal.

A ação criminosa aconteceu por volta das 15h15, na Rua Manoel Cardoso, na região do bairro Jardim Yolanda, quando a van com entregas de encomendas de Sedex, que era acompanha por uma equipe de escolta, estacionou na via. Foi, então, que os criminosos, B.H.O., de 20 anos, C.P.M., de 24 anos, se aproximaram e tentaram roubar o veículo.

O Copom (Centro de Operações da Polícia Militar) foi comunicado sobre um tiroteio e, quando os PMs chegaram ao local, encontraram B.H.O. caído ao chão, ferido com três disparos de arma de fogo, que atingiram a cabeça, o tórax e o calcanhar.

Liberal Motors – BC

A equipe da escolta estava segurando uma espingarda calibre 12, utilizada pelo criminoso. Os vigilantes entregaram a arma e contatam que dois homens tinham tentado roubado o veículo, mas que o segundo suspeito tinha conseguido fugido.

Foto: Google / Reprodução

A ação criminosa aconteceu na Rua Manoel Cardoso, na região do bairro Jardim Yolanda, em Sumaré

Os policiais iniciaram uma busca pelo bairro e suspeitaram de uma casa abandonada, que estava com o portão aberto. Os PMs entraram no imóvel e encontraram C.P.M. escondido embaixo de uma cama. Nada de ilícito foi localizado com o assaltante, que confessou que a arma utilizada no crime, um revólver calibre 38, estava no sofá. O criminoso também estava ferido, pois um dos disparos acertou seu braço direito de raspão.

A dupla foi socorrida e levada ao Hospital Estadual Dr. Leandro Franceschini de Sumaré, onde B.H.O. ficou internado e C.P.M. foi apenas medicado e, depois, conduzido para o plantão policial. Os dois criminosos foram autuados em flagrante, sendo que C. ficou preso, enquanto B. permaneceu no hospital, sob escolta policial. Entretanto, a assessoria de imprensa do órgão não divulgou o estado de saúde do criminoso.

Já o departamento de comunicação dos Correios confirmou a tentativa de roubo, mas informou que não comentaria sobre crime. “Por ser assunto relacionado à segurança e para preservar a integridade dos empregados, dos clientes e dos objetos postais, os Correios não divulgam detalhes como valores, estatísticas e imagens a respeito de assaltos”, traz a nota enviada para a reportagem. Segundo os Correios, além do registro de boletim de ocorrência, o caso será encaminhado para a Polícia Federal.