Ladrões tentam furtar banco no Jardim Pérola

Polícia Militar apreendeu uma marreta, chaves de fenda e pés-de-cabra que foram abandonados no local após alarme disparar


A agência da CEF (Caixa Econômica Federal), no Jardim Pérola, em Santa Bárbara d’Oeste, foi alvo de uma tentativa de furto na madrugada deste sábado (4). Os ladrões arrombaram a porta dos fundos do prédio e quebraram uma parede usando uma marreta, porém não conseguiram levar nenhuma quantia em dinheiro, uma vez que o alarme da agência disparou durante a ação.

Eles chegaram a colocar papel-alumínio nos sensores de movimento e quebrar a câmera dos fundos, na tentativa de passarem despercebidos.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Agência foi alvo de tentativa de furto neste sábado

Após o alarme soar, no entanto, eles acabaram abandonando a marreta, duas chaves de fenda e dois pés-de-cabra que seriam usados para arrombar caixas eletrônicos e o cofre. O vigilante recebeu o aviso do disparo do alarme por volta da 1h e acionou a Polícia Militar logo em seguida.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado sobre este caso, o cofre não havia sinais de dano e nem os outros equipamentos eletrônicos do estabelecimento, o que levou os policiais a registrarem o caso apenas como danos ao patrimônio. A perícia técnica também foi acionada para registrar as imagens do crime.

Procurada pela reportagem, a CEF não informou até o fechamento desta edição se pretende manter a unidade bancária fechada para reparos nos próximos dias. A instituição também não confirmou se de fato nenhuma quantia foi levada da agência.

Recorrente

Não é a primeira vez que a Caixa e outros bancos no Jardim Pérola são alvo de furtos. Em julho bandidos chegaram a explodir com dinamites caixas eletrônicos do Bradesco, no mesmo bairro. Em abril do ano passado, dinamites também foram usadas na agência CEF com a mesma intenção.

Em abril também, o Banco do Brasil, que fica distante 300 metros, ficou fechado por semanas após uma tentativa de furto que envolveu quebra de paredes, arrombamento de portas e uso de fita adesiva nos sensores de movimento.

Nesta ocasião, apesar de terem conseguido acessar o cofre e danificar parte dele, os bandidos também não conseguiram pegar o dinheiro.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!