Prazo de transferência termina hoje

Caso não seja transferido, o aluno continua a estudar na unidade de ensino onde está matriculado atualmente


Alunos que desejam mudar de escola na rede estadual podem fazer o pedido até esta quarta-feira, por meio de seus pais ou responsáveis legais. A informação foi divulgada pelo governo estadual nesta segunda.

O resultado das solicitações será divulgado pela Secretaria de Educação a partir de sexta-feira, através da Secretaria Escolar Digital. O requerente deve informar apenas o RA (Registro do Aluno) e a data do nascimento. A decisão também pode ser consultada na escola onde houve a inscrição.

“Vale lembrar que qualquer escola da rede estadual é ponto de inscrição para solicitar a transferência. Depois de solicitada, ela será avaliada pela equipe gestora. Para pedir a transferência é necessário apresentar o documento de identidade (ou certidão de nascimento) do aluno e comprovante de residência”, comunicou o Estado.

O governo apontou que a aprovação é condicionada ao número de vagas por classe e ao ciclo atendido. Caso não seja transferido, o aluno continua a estudar na unidade de ensino onde está matriculado atualmente. Após a volta às aulas, em 1º de fevereiro, o estudante também poderá solicitar transferência de escola com o mesmo procedimento deste 1º período.

Durante todo o ano, as instituições seguirão recebendo matrículas de novos alunos que querem estudar na rede estadual. Basta ir à unidade mais próxima com comprovante de residência e certidão de nascimento ou RG. No caso de estudantes menores, a matrícula deve ser efetuada pelos pais ou responsáveis.

De 2016 para 2017, a RPT (Região do Polo Têxtil) teve queda no número de matrículas nos ensinos fundamental (1º ao 9º ano) e médio. As reduções foram de 2,62% e 3,75%, respectivamente, conforme O LIBERAL noticiou em 27 de dezembro. Os dados são do Censo Escolar 2017.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter