Cabo da Polícia Militar é morto a tiros em Hortolândia

João Eduardo do Prado, de 36 anos, foi atingido com ao menos quatro tiros disparados por criminosos na manhã de hoje; três suspeitos foram detidos


Foto: Divulgação
Cabo foi morto a tiros na manhã desta segunda-feira

Um policial militar foi morto a tiros na manhã desta segunda-feira (4), em Hortolândia. O crime aconteceu na Rua Pedro Pereira dos Santos – antiga 7 –, no Jardim Campos Verdes. O cabo João Eduardo do Prado, de 36 anos, estava de folga e foi atingido por quatro tiros, três deles no abdômen.

Ainda não se sabe as circunstâncias do homicídio. Informações preliminares dão conta de que o policial teria sido abordado por dois suspeitos na rua. Os criminosos teriam efetuado pelo menos dez tiros. Quatro dos disparos teriam atingido o cabo, que chegou a ser socorrido com vida ao Hospital Mário Covas, mas não resistiu aos ferimentos e morreu por volta das 11 horas.

O 48º BPM/I (Batalhão de Polícia Militar) do Interior lamentou o ocorrido por meio de nota enviada pelo setor de comunicação social. “O comandante do 48ºBPM/I manifesta profundo pesar pelo falecimento do cabo João Eduardo do Prado, nesta data e por volta das 11 horas da manhã, vítima de disparos efetuados por criminosos”.

Ainda segundo a nota, equipes da PM já detiveram três homens suspeitos do homicídio e arrolaram uma pessoa como testemunha. O horário do velório e sepultamento ainda não foi divulgado. O cabo estava na corporação há 16 anos, era casado e deixa um filho de 2 anos.

 

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter