Aposta termina com dois homens baleados

Crime aconteceu em um bar, no bairro Santa Rita de Cássia; uma das vítimas, um pedreiro de 66 anos, está em estado grave


Uma aposta de jogo de baralho terminou com dois homens baleados, na noite desta segunda-feira (16), em Hortolândia. O crime aconteceu por volta das 23 horas, em um bar na Rua Casemiro de Abreu, no bairro Santa Rita de Cássia. Ninguém foi preso.

Segundo consta no boletim de ocorrência, três pessoas se envolveram em uma discussão por conta de uma aposta de jogo de baralho. Um dos jogadores, após perder R$ 10, disse que voltaria. Passados alguns minutos, o homem teria retornado ao estabelecimento comercial, armado com um revólver.

O suspeito teria descido de um veículo Celta e disparado a arma em direção ao bar. Os tiros atingiram o pedreiro J.A.S., de 66 anos, e M.F.S., de 32 anos. Houve revide de disparos de arma de fogo calibre 380.

Foto: Arquivo / O Liberal
Tentativa de homicídio foi registrada na delegacia de Hortolândia para investigação

Durante a troca de tiros, o motorista do Celta teria fugido a pé. As vítimas foram socorridas por populares ao Hospital Municipal Dr. Mário Covas, onde M. foi submetido a uma cirurgia e não corre risco de morte. Já o pedreiro, foi encaminhado para o Hospital Estadual de Sumaré Dr. Leandro Franceschini. O estado de saúde dele é considerado gravíssimo, segundo a assessoria da instituição.

No boletim de ocorrência não fica claro se as vítimas eram os alvos do suspeito e se foram elas que revidaram os tiros. Peritos do IC (Instituto de Criminalística) de Americana estiveram no local e apreenderam documentos e crachás do suposto autor. A ocorrência foi registrada na delegacia do município para investigação.

Esse é o segundo caso de violência, em Hortolândia, em menos de dois dias. Na manhã do último domingo, um homem de 51 anos foi morto a pauladas. O crime aconteceu em frente a casa onde a vítima morava, na Rua Graciliano Ramos, no Jardim Amanda.

Momentos antes de ser assassinado, Paulo Pereira dos Santos, teria chegado em casa alcoolizado e discutido com a mulher, que deixou o imóvel e seguiu para a residência de familiares. Pouco tempo depois, ela foi informada que o marido havia sido morto. A suspeita é que a vítima tenha sido atingida várias vezes na cabeça com um pedaço de madeira. O autor do crime ainda não foi identificado.