Omar sanciona lei por travessia preferencial

Objetivo é desenvolver uma nova cultura na relação entre pedestres e motoristas; lei foi inspirada na experiência de outras cidades


O prefeito de Americana, Omar Najar, sancionou nesta segunda-feira (13) duas leis decorrentes de projetos do vereador Marco Antonio Alves Jorge, o Kim. Uma delas cria o Programa de Travessia Preferencial Para Pedestre, que visa desenvolver uma nova cultura na relação entre pedestres e motoristas. Inspirada em diversos municípios em que pedestres têm preferência na travessia, a legislação prevê que o Poder Executivo crie políticas públicas e faça uma divulgação que modifique a lógica do trânsito atual.

Foto: Thomaz Fernandes - Prefeitura de Americana
Foram sancionadas duas leis decorrentes de projetos do vereador Kim

Pela lei, o pedestre deve sinalizar com o braço antes de entrar na faixa de pedestre obrigando a parada do veículo que eventualmente estiver passando pela via. A regra só não se aplicaria em locais com semáforos, quando a sinalização luminosa se sobrepõe, a menos que o pedestre já tenha iniciado a travessia. O prefeito, Omar Najar, defendeu a ideia e destacou ainda a necessidade de o município se aperfeiçoar no trânsito municipal. Ele destacou que o respeito à própria faixa de pedestre precisa ser estimulado. “Eu até mesmo estudo que se adote aquelas faixas em 3D, para que os motoristas se obriguem a reduzir a velocidade”, destacou Omar.

Aimaratá

Omar ainda sancionou a lei que declara a Associação de Amigos do Parque Aimaratá como utilidade pública municipal. O espaço é uma das principais reservas naturais de Americana e é mantido pela entidade sem fins lucrativos, que ainda tem o projeto de criar ações de educação ambiental. “Acredito que estes foram dois bons projetos e só tenho a agradecer ao prefeito por ter sancionado estas leis”, disse Kim.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter