Mulher guarda bolsas com dinheiro e drogas e é presa pela PM

Ela contou recebia pães como pagamento; rapaz de 18 anos, que é proprietário da quantia e dos entorpecentes, também foi detido


Após confessar para a PM (Polícia Militar) que guardava em sua casa duas bolsas com cerca de R$ 3 mil e entorpecentes, uma mulher de 53 anos foi presa na noite deste domingo, em Americana. Ela ainda contou que recebia pães como pagamento. Um jovem de 18 anos, que é o proprietário da quantia e das drogas, também foi detido.

O caso aconteceu por volta das 19h, na Rua Joaquim Azanha, na região do bairro Parque Dom Pedro, quando policiais foram até o local para procurar um homem foragido da Justiça. Entretanto, quando a viatura chegou na via, que também é conhecida ponto de venda de entorpecentes, os PMs suspeitaram do jovem de 18 anos, que atravessou rapidamente e rua e foi na direção de uma casa.

Foto: Google / Reprodução
O caso aconteceu na Rua Joaquim Azanha, local conhecido pela PM como ponto de venda de drogas

A corporação suspeitou do rapaz e resolveu abordá-lo. No bolso da bermuda do menino, foi encontrada uma porção de maconha. Nesse momento, do interior do imóvel que o suspeito tinha se aproximado, saiu uma senhora de 53 anos. De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher estava assustada.

Os policiais perguntaram se o jovem morava na residência e, então, ela contou que o rapaz tinha apenas passado a noite na casa. Entretanto, a mulher acabou confessando para a equipe que o garoto vendia drogas pelo bairro e que ele tinha pedido para ela guardar duas bolsas com dinheiro e entorpecentes.

Sendo assim, os PMs entraram na casa e, na sala, encontraram os acessórios. No interior das bolsas, tinham roupas, 14 porções de maconha, 16 microtubos de cocaína, nove papelotes de crack e cerca de R$ 3 mil em dinheiro, sendo que a polícia acredita que uma nota de R$ 100 seja falsa.

Na carteira da senhora, os policiais acharam R$ 1 mil, quantia que, segundo a mulher, era fruto do seu trabalho e seria utilizada para pagar o aluguel.

Tanto a mulher quanto o jovem foram levados para a CPJ (Central de Polícia Judiciária) de Americana, onde a suspeita disse que, uma vez ou outra, o jovem comprava pães e lavava para ela, em troca de guardar as bolsas. Na sequência, os dois foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação ao tráfico. O caso será investigado pelo 4º Distrito Policial.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter