Moradores denunciam onda de furtos e pedem mais segurança no Terramérica

Segundo moradores do bairro, ao menos um imóvel é invadido por ladrões todo mês; polícia rebate afirmações


Vídeo: Veja o vídeo
Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Casa de morador foi invadida e ladrões quebraram o portão eletrônico

Moradores do Jardim Terramérica, em Americana, estão apavorados com a onda de furtos a residências naquela região. De acordo com eles, ao menos um imóvel é invadido por ladrões todo mês. Para os moradores, falta policiamento. Tanto a PM (Polícia Militar) como a Gama (Guarda Municipal de Americana), no entanto, alegam realizar patrulhamentos diários no bairro.

A casa onde a família de uma moradora de 31 anos reside, na Rua Ediney Cordenonsi, foi alvo de ladrões pela segunda vez em quatro meses. O furto aconteceu no último domingo, às 11h45. “Saíamos 11h30 e vimos pelas filmagens que eles [ladrões] passaram de carro, olhando para nossa casa, seis vezes. Eram dois rapazes em um veículo vermelho. Eles pararam o carro do outro lado da rua, tocaram o interfone duas vezes e quando confirmaram que não tinha ninguém, voltaram para o veículo, deram ré e pararam em frente da minha casa”, relatou a moradora.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Moradores tiveram a televisão furtada

Os suspeitos forçaram o portão eletrônico, entraram na garagem e não se sabe como conseguiram abrir a janela que dá acesso à sala do imóvel. “Levaram televisão, videogame, tênis, perfumes, objetos de valor. Fecharam o portão e foram embora. Foi muito rápido, durou dois minutos”, disse a vítima, que com medo de represálias dos ladrões pediu para ter a identidade preservada.

A família mora no local desde o final de outubro do ano passado. O antigo morador deixou o imóvel depois de ter a casa invadida em setembro, também durante o dia. “Os bens materiais eu sei que trabalhando, vou comprar novamente, mas o que não vou ter de volta é minha liberdade, minha privacidade dentro da minha própria casa”, lamentou a moradora.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Moradores tem um grupo nas redes sociais para relatarem os casos de furto e roubo

Vizinho da família, um fotógrafo de 30 anos disse que desde que mudou para o bairro, em maio do ano passado, tem conhecimento de ocorrências de furtos a residências. “Temos um grupo no Facebook com cerca de 100 moradores e mês sim, mês não, acontece um furto no Terramérica. Gostaríamos que a segurança do bairro fosse reforçada. Nunca vi uma viatura da guarda por aqui e da Polícia Militar, somente no final do dia”, desabafou.

RESPOSTA

O subcomandante do 19ºBPM/I (Batalhão da Polícia Militar do Interior), major Rogério Nascimento Takiuchi, alega, no entanto, que além do patrulhamento normal e dos atendimentos realizados pelo telefone 190, o Jardim Terramérica é um dos três bairros da cidade beneficiados com o policiamento comunitário. “Essa região, tem desde maio do ano passado, 40 horas de patrulhamento semanal. Os outros bairros beneficiados são Parque Novo Mundo e o Parque Universitário”, afirmou.

Foto: Diogo Moreira / Governo do Estado
PM afirmou que o bairro é beneficiado com o policiamento comunitário

De acordo com ele, toda primeira quarta-feira do mês, às 19 horas, é realizada a reunião do Conselho Comunitário de Segurança, no plenarinho da Câmara Municipal de Americana. “Mensalmente, nessas reuniões, a comunidade do Jardim Terramérica pode apresentar para o comandante da companhia as demandas de reclamação ou de problemas de polícia que têm no bairro. Mas os moradores precisam participar”.

Já a Gama informou que o patrulhamento é realizado dia e noite. “Vale ressaltar que a guarda estuda os dados estatísticos em conjunto com a PM e, de acordo com os estudos, faz os remanejamentos necessários”, disse, em nota. A corporação orienta os moradores a entrarem em contato pelo 153 ou 3461-8631 sempre que observarem algo suspeito.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter