Condenado por estupro é preso no Jardim São Paulo

Investigadores da CPJ de Americana cumpriram, nesta quarta-feira, mandado de prisão expedido pela 2ª Vara Criminal de Sumaré, onde ocorreu o crime


Um auxiliar de produção, de 43 anos, condenado a 16 anos de prisão por estupro, foi preso nesta quarta-feira (19), em Americana. O crime aconteceu no dia 27 de junho de 2014, em Sumaré.

Investigadores da CPJ (Central de Polícia Judiciária) cumpriram mandado de prisão expedido pela 2ª Vara Criminal de Sumaré. O auxiliar foi preso na casa dele, no Jardim São Paulo.

Ele foi condenado a 14 anos de prisão pelo artigo 217 do Código Penal – ter conjunção carnal ou praticar ato libidinoso com menor de 14 anos – e a dois anos de reclusão pelo artigo 218 – induzir menor de 14 anos a satisfazer a lascívia de outrem.