Com reajuste, arrecadação deve subir R$ 15 mi

A prefeitura deve lançar a cobrança de R$ 95 milhões no próximo ano


Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
Discussão do reajuste durou mais de uma hora e ocorreu sem polêmica; sessão não teve um grande público

Em um momento de calamidade financeira em Americana, o reajuste do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) aprovado nesta quarta pode ajudar a desafogar as contas do município em 2018, já que segundo cálculo da Secretaria de Fazenda, é previsto aumento de R$ 15 milhões com o imposto em 2018 em relação a este ano.

De acordo com o secretário Ricardo Lopes Fernandes, a prefeitura lançou a cobrança de R$ 80 milhões em 2017, e em 2018, com a aprovação do projeto, devem ser lançados R$ 95 milhões. Apesar desse aumento, é preciso considerar as isenções, descontos e a inadimplência, que fica na casa dos 20%, segundo a pasta. Atualmente, há 103 mil imóveis onde a cobrança é feita no município.

A questão da inadimplência e das isenções foi colocada em pauta pelo vereador Welington Rezende (PRP). Ele argumentou na sessão que o aumento no imposto pode contribuir para a inadimplência.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter