Trump mantém apoio em regiões dos EUA que o apoiaram na eleição presidencial

Washington, 16 (AE) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tem mantido sua base de apoio, segundo uma pesquisa…


Washington, 16 (AE) – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tem mantido sua base de apoio, segundo uma pesquisa do Wall Street Journal e da NBC News, mesmo sem grandes vitórias no Legislativo após seis meses no cargo e em meio à expansão de uma investigação federal sobre potenciais vínculos entre a campanha dele e a Rússia.

Em condados onde Trump venceu a eleição presidencial, 50% dos adultos aprovam o desempenho dele no posto e 46% desaprovam, segundo a pesquisa realizada com 600 adultos entre 8 e 12 de julho. Em pesquisa nacional do mês passado, o presidente tinha aprovação de 40%, enquanto 55% desaprovavam a atuação dele.

A nova pesquisa mostrou uma significativa divisão entre os condados vencidos facilmente por Trump e aqueles que apoiaram o candidato republicano após terem votado em 2012 no democrata Barack Obama. A divisão mostra que, embora tenha mantido sua base mais sólida, o atual presidente perde força nos condados mais disputados politicamente.

Em condados nos quais a vitória eleitoral de Trump foi de pelo menos 20 pontos porcentuais, a taxa de aprovação está em 56%, 16 pontos porcentuais acima de sua taxa de desaprovação. Em condados que votaram em Obama em 2012 e em Trump no ano passado, a aprovação do presidente atual está em 44%, 7 pontos porcentuais mais baixa que a desaprovação.

Em sondagens nacionais, piorou a avaliação de Trump, com eleitores tendo visão negativa dele por seu temperamento, sua confiabilidade e pelo nível de conhecimento necessário para a função. Questionados no mês passado sobre a fonte dos problemas, metade dos consultados disseram que Trump não tem a competência nem a experiência necessárias para mudar Washington.

A pesquisa do Wall Street Journal e da NBC News foi baseada em entrevistas por telefone e tem uma margem de erro de 4 pontos porcentuais. Fonte: Dow Jones Newswires.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter