Europol culpa erro humano por vazamento de dados

Um membro do estafe da Europol teria levadi os dossiês para casa e os copiado para um disco rígido que estava ligado à internet


A agência de polícia da União Europeia, a Europol, afirmou nesta quarta-feira (30) que um erro humano foi o responsável por uma falha de segurança nos dados da agência que levou ao vazamento de dossiês contendo informações sobre investigações de terrorismo, que foram parar na internet.

Segundo uma rede de TV holandesa, um membro do estafe da Europol – contrariando as normas de segurança da agência – levou os dossiês para casa e os copiou para um disco rígido que estava ligado à internet.

A reportagem afirma ter encontrado mais de 700 páginas de documentos confidenciais disponíveis, incluindo o nome e número de telefone de pessoas ligadas à investigações.

A Europol afirmou que está investigando o ocorrido, mas que até agora “não há indícios de que investigações foram ameaçadas”. Fonte: Associated Press.