“Grau muito substancial de estímulos ainda é necessário”, diz Draghi, do BCE

O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi, afirmou que a zona do euro continua a precisar de um…


O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi, afirmou que a zona do euro continua a precisar de um “grau muito substancial” de estímulos, à medida que o BC europeu ainda não conseguiu lidar de maneira efetiva com a inflação.

Em discurso ao Comitê do Fundo Monetário Internacional (FMI) em Washington nesta sexta-feira, Draghi disse que “o progresso para uma inflação durável e autossustentável em direção ao nosso objetivo ainda não é convincente o suficiente”.

Segundo o presidente do BCE, os riscos para a perspectiva da inflação estão equilibrado, no geral, e os riscos de uma deflação na zona do euro “essencialmente desapareceram”.

Notícias sobre a região, Brasil e o mundo em um clique. Receba nossa newsletter