Bovespa supera os 63 mil pontos com ajuda de Petrobras

A Bovespa dá continuidade aos ganhos da véspera e sobe desde a abertura nesta terça-feira, 18, superando o patamar dos…


A Bovespa dá continuidade aos ganhos da véspera e sobe desde a abertura nesta terça-feira, 18, superando o patamar dos 63 mil pontos pela primeira vez no ano. Às 10h35, o Ibovespa avançava 0,61%, aos 63.075,44 pontos, em linha com os ganhos dos índices futuros em Wall Street, onde os negócios regulares só terão início às 11h30 daqui.

O bom humor dos mercados acionários é fruto das perspectivas menores de alta de juros nos Estados Unidos em novembro e da recuperação dos contratos futuros de petróleo negociados em Londres e em Nova York. Internamente, o avanço das medidas econômicas propostas pelo governo Michel Temer e a expectativa por corte da Selic na reunião do Copom também colaboram com o apetite dos investidores nos mercados domésticos.

Entre os destaques de alta do Ibovespa estão as ações da Petrobras, que sobem 2,28% (ON) e 3,37% (PN). O mercado recebe bem a venda, pela estatal, de 100% das ações da Nansei Seikyu (NSS), empresa localizada na ilha de Okinawa, no Japão, para a Taiyo Oil Company por US$ 129,285 milhões, com pagamento integral previsto para dezembro de 2016.

Os papéis da companhia também têm suporte do petróleo. O WTI para dezembro subia 0,74%, a US$ 50,31 o barril na Nymex, enquanto o Brent para dezembro avançava 0,64%, a US$ 51,84 o barril ICE.